Edição. A história em quadrinhos “Plein Ciel” conta a história da vida cotidiana em um prédio do Mulhouse “Zup”

Pierre-Roland Saint-Dizier, você cresceu em uma das duas torres Plein Ciel em Les Coteaux…

Meus pais se estabeleceram lá em 1968, foram dos primeiros habitantes. Primeiro aos 19e andar e mais tarde no dia 16e. Minha mãe ficou lá até 2001. Todas as minhas lembranças de infância estão nesta torre e neste bairro. Momentos magníficos e outros mais dolorosos. A história em quadrinhos começa com o suicídio de Émile, que se atira do dia 17e chão, estas são, infelizmente, coisas que experimentei.

“Quando expliquei que morava em Zup, ouvi: “Isso não é assustador? Você mora em uma gaiola de coelho! Mas eu sempre dizia: “Vou para casa”.

Você estudou na escola do bairro?

No jardim de infância e depois na escola primária Pergaud. Eu tive uma pequena pontada no meu coração quando vi que ia ser destruído. Quando eu era pequeno brincava lá fora, aprendi a andar de bicicleta nos ladrilhos. Eu estava então no setor privado na faculdade de Zillisheim, depois na escola secundária de Montaigne…

Related Articles

Back to top button